image Siga-nos:

Histórias Bíblicas de Vocação



Abraão (Gn 12, 1-2)

AbrãaoDeus chama Abraão com a finalidade de fazer aliança com ele. Chama-o a deixar sua parentela e sua terra. Todo chamado supõe esse princípio de deixar e de preferir radicalmente Deus a todo o restante: cf. Lc 14, 26. É o preço da fecundidade e do dinamismo de toda vocação.

Abraão parte sem saber para onde ele vai: o fim de sua viagem não lhe é indicado. Acontece o mesmo conosco, quando o Senhor nos chama: sua pedagogia, tão distante de nossa sabedoria humana, nos convida a confiar n’Ele e a caminhar mesmo que o terreno não pareça firme. Será Ele a encarregar-se de tornar firme o chão sob os nossos pés.

Samuel (1Sm 3, 1-21)

Apresentação de SamuelO chamado de Samuel pelo Senhor é, sem dúvida, um dos mais conhecidos. O relato nos diz que Samuel servia no templo ao sacerdote Eli. Está, pois, numa disposição de abertura a Deus e de serviço, dom de si. Ele ouve durante a noite alguém que chamar por seu nome. Toda vocação é pessoal. Deus solicita uma pessoa com um nome, uma história.

Samuel não compreende porque ele ainda não conhece a palavra do Senhor, ou seja, ele ainda não aprendeu a reconhecer o seu modo de falar. Ele pensa a cada vez que escuta Eli chamando-o. Sua prontidão em responder três vezes a esta voz que seu mestre diz que não é ele que o chama, testemunha sua abertura de coração e de desejo de se dar. É preciso que Eli compreenda, vendo a retidão de Samuel, que se trata do Senhor. Ele pode, então, revelar-lhe a identidade de seu interlocutor misterioso e como responder-lhe.

Travel Turne Tranzito